quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012




Verdadeiro Chamado


  
"Como saber se é isso mesmo o que eu quero, pois é uma decisão muito séria, ás vezes eu sinto um desejo enorme de servir à Deus, mas às vezes parece que não estou muito certa disso."

Se esse tem sido seu pensamento, você tem que verificar quais são seus verdadeiros desejos, o que a faz sentir-se feliz e realizada.

Se você é uma pessoa que tem projetos pessoais para o futuro, quer ter sua profissão, crescer financeiramente, viajar, possuir bens materiais, então o altar não é o seu objetivo.

Se você sente saudades da vida que tinha antes de estar na igreja, ou seja, saudades do mundo lá fora, esse é outro sinal que você não esta preparada.

Minha família sempre saía de férias, eles saíam aos domingos, eu cresci assim, mas quando fui levantada a obreira meu prazer era estar na igreja, fazendo as coisas para Deus, os passeios já não me importavam, ir de férias para lugares bonitos já não me trazia a menor emoção, eu não podia estar longe da igreja, não podia sequer pensar em faltar um domingo.

O chamado de Deus é assim, você não tem prazer em mais nada lá fora, seu único desejo é servi-Lo.

Eu tenho em total dezessete anos servindo à Deus, dois anos no átrio, como obreira e quinze no altar e não me lembro de um só dia que eu tenha sentido falta da vida que tinha antes de servir a Deus, hoje não tenho férias, nem vida própria, mas o que importa tudo isso, se tenho o privilégio de servir?

Uma coisa é certa, se a pessoa não tem o chamado para o altar ela pode até querer entrar na obra, mas não dará frutos espirituais, e gerará filhos da carne, por outro lado aquelas a quem Deus chama, mas querem resistir ao seu chamado, podem tentar ser felizes fazendo outras coisas, mas nada dará certo, pois quem poderá fugir de Deus?

Quem tem o chamado para o altar, não se imagina fazendo outra coisa, que não seja servir a Deus.

Veja bem se o altar é o maior desejo em sua vida ou se o mundo ainda te atrai e seduz.

“Se alguém me serve, siga-me, e, onde eu estou, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, o Pai o honrará.” João 12:26


Na fé e na guerra, Caroline Benaia

Nenhum comentário: