sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Eu te amo

E quando diz que O ama...
Que não seja porque Lhe deve oferecer um louvor e dizer: “Eu te amo…”, mas que seja verdadeira e sincera, justa, e sem engano.

Eu entendo quando o Senhor Jesus diz que procura os verdadeiros adoradores, pois existem os falsos, que apenas pronunciam palavras, mas que não O adoram, porque não há atitude, obediência, submissão e entrega. E se isto não existe, à semelhança do temor, que experiência tenho, para dizer que amo a Deus?!
Eu explico: Quando refiro que amo a Deus, foi quando vi o amor d’Ele para comigo, primeiro. Eu vi a paciência d’Ele, e bem claros os meus erros, não sou perfeita. Mas o que me permite entrar na presença de Deus e ser uma verdadeira adoradora, são as experiências que tenho com Ele.

Quando alguém faz algo que a surpreende, você elogia, e, naturalmente, agradece. A mesma coisa com Deus: Quando existe comunhão e relacionamento, há verdade nas suas palavras, que O louvam.
Então, seja verdadeira e não engane, pois quem engana é o diabo e os seus filhos, e você não quer satisfazer os desejos do diabo ou sequer os seus, mas glorificar a Deus. E se assim é, exponha tudo o que está no seu interior. Não importa o que aconteceu! Ele quer  a sua sinceridade. É isso que Ele procura.
Tudo o que eu mais quero é que encontre essa paz e alegria, que apenas Deus lhe pode dar. E esta chega, quando há entrega, e há entrega quando existe verdade.

Receba a LUZ de Deus ai onde você está em nome do Senhor Jesus.
By: D.Vivi Freitas

Nenhum comentário: