quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Uma candidata a obreira, #Parte 4

Até que aquela sexta - feira chegou .... Eu não queria ir, mas elas insistiram muito , então eu fui....  mas não quis ir só. Por isso chamei as minhas amigas do P. A. E então lá me fui..... 
Elas insistiram tanto, mas eu me sentia mal, muito mal mesmo, não estava habituada, sexta-feira era dia de queimar o capeta, na minha IURD, Monte Carlo. Mas a minha vizinha,insistiu tanto para que eu e minha mãe fôssemos juntos com ela, a uma mini vigília, que teria na IURD no centro da minha cidade, rs. Não estava pecando, não era errado, mas alguma coisa queria me impedir. Chamei então duas amigas minhas do P.A (Atual Tf Teen), e lá fomos nós. 
Chegamos, e para nossa surpresa, o Pr estava passando um filme, da volta de Jesus, e do mundo pôs-Volta de Jesus, sinceramente não vi o título do filme, mas as imagens lá vistas, nunca mais esquecerei!
Aquilo criou um temor, e ao mesmo tempo uma gratidão, porque Deus tinha me dado o privilégio, de tê-lo conhecido, de estar ali em sua casa, e o privilégio, se caso eu fosse sincera, humilde, e buscasse, a presença de Deus! Nasceu ali uma revolta, quanto tempo eu perdi, de blá blá blá, priorizando as coisas erradas,mas hoje aquele era o meu dia!
Quando o pastor chamou diante do altar, quem desejava ardentemente a presença de Deus, eu fui, corri, me joguei na frente daquele altar, e busquei com todas as forças, lembro que era uma sede, um desejo, eu falava, "Meu Deus, olha pra esse verme, tem misericórdia Pai, se for pra eu sair daqui sem o Teu Espírito, e do mesmo jeito, me mate!". Eu lembro de tudo, de tudo, cada detalhe, a música, enfim. Foi perfeito, foi inesquecível, foi o meu Haaaa, que dia! Aquele dia foi diferente, sem emoção, eu e Deus, no momento mais especial da minha vida.
Sai de lá, boba, rindo à toa, queria que todos soubessem, o tamanho daquele amor, e aquela alegria, que eu sentia, aquela sensação de que pisava em nuvens, que Jesus iria voltar, e me buscar também, enfim salva!
E sabem do que mais? Saiu aquele desejo, aquela ansiedade em ser obreira, nascia ali o desejo mais sincero de servir a Deus e ganhar almas. Marcou! 
E na quarta-feira, o Pr anuncia:
 "Pessoal, sexta  têm vigília na sede heim, ninguém pode faltar! Obreiros, jovens, e evangelistas!"
- Bufffff, como sempre, obreiros, jovens, e evangelistas, e os P.A's? #Xatiada! = ( Mas amém, Deus sabia o quanto eu desejava ir aquela vigília, mas infelizmente, não podia ir, deveria obedecer.
Até que o Conselheiro do P.A, (eu prefiro chamar de tio kkkkkkkk), me chamou de canto, ele estava sério, com a cara de mal que já era habitual dele, porém, ele estava diferente. Me chamou de canto, e me disse...

Nenhum comentário: